CAMARA MUNICIPAL BONITO

Vereador Papy entrega título Cidadão Campo-grandense a juiz, médico, bombeiro e pastor

Por Redacão em 31/08/2021 às 19:09:57

Foto - Divulgacão

O vereador Papy (Solidariedade) escolheu quatro personalidades de Campo Grande, que escolheram a cidade para viver e tiveram a ousadia e a determinação para ajudar a construir um lugar melhor, para serem homenageados com título Cidadão Campo-grandense. O evento foi realizado na quarta-feira (25), véspera do aniversário de 122 anos da capital.

O primeiro a receber a homenagem foi o juiz da 2ª Vara do Tribunal do Júri, Aluizio Pereira dos Santos. Nascido em Jales/SP, se mudou para Campo Grande em 1984, quando foi aprovado para aprovação escrivão de polícia, exercendo as funções na Delegacia Especializada de Ordem Política e Social (DEOPS). O curso de direito iniciado em Araçatuba/SP, em 1983, foi concluído quatro anos depois na Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), na capital de Mato Grosso do Sul.

No ano seguinte foi aprovado no concurso público de Defensor Público de MS, onde trabalhou por 8 anos. Só em 1.996 assumiu o cargo de Juiz de Direito, em que já desempenhou as funções de Juiz Corregedor de Presídio, Juiz da Infância e Juventude, Turma Recursal do Juizado Especial e Juiz Eleitoral.

O magistrado também sugeriu dois projetos de lei. Na Câmara Federal, para que os crimes de aborto consentidos sejam transformados em crime de menor potencial ofensivo. E na Câmara Municipal de Campo Grande, para que os participantes do júri fossem isentos da cobrança do parquímetro.

Outro homenageado foi o cirurgião plástico César Aníbal Aguiar Benavides, que nasceu em Fortaleza/CE, mas é uma mistura de mãe cearense descendente de portugueses e pai peruano descendente de espanhóis. Cursou na Faculdade de medicina da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), mas fez residência de Cirurgia Geral no Hospital Municipal "Professor Doutor Alípio Correa Neto", em São Paulo/SP. Chegou a Cidade Morena em 2002 e trabalhou como coordenador científico da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - Regional MS. Participou de mutirão de cirurgias plásticas em cidades do interior, em parceria com o Rottary Club. No Hospital Regional também trabalhou no tratamento de pacientes com sequelas de queimaduras. Trabalhou no Hospital São Julião atendendo e operando pacientes com sequelas de Hanseníase e outras alterações.

Ainda recebeu o título o pastor evangélico e escritor, Elias Gomes de Moraes. Foi criado na zona rural de Telêmaco Borba/PR , mudando-se para a cidade em 1993, aos 17 anos, para trabalhar. Um ano depois conheceu Elisângela e juntos iniciaram uma microempresa de limpeza de caixa d"água, e, após 5 anos, se casaram. Há 11 anos se mudou para Campo Grande com sua família e, em 2010, fundou a Igreja Evangélica Fonte Viva, na capital. Ao longo dessa década vem desenvolvendo um papel de extrema relevância na sociedade, acolhendo famílias e levando restauração para dentro de seus lares por meio da palavra de Deus. Também desenvolve trabalhos sociais, como o Quilo do Amor, que arrecada alimentos não perecíveis, produtos de higiene pessoal, material de limpeza e distribui para as famílias carentes que passam por dificuldades.

Por fim, um profissional de extrema relevância para a sociedade, o coronel do Corpo de Bombeiros Hugo Djan Leite. Casado com Cristiane Batista Alves e pai de duas meninas: Bruna Alves Leite e Eduarda Alves Leite, o militar é natural da cidade do Rio de Janeiro/RJ e veio para a capital de Mato Grosso do Sul ainda jovem para o curso de formação em 1996. Foi o idealizador da Seção de Busca e Salvamento (SBS), no Quartel do Guanandi do 1º GBM, onde exerceu outras funções. Durante a carreira atuou na Direção Gerencial e Assessoramento na Secretaria de Estado da Casa Civil e, em 2020, coordenou a Comissão de Controle Sanitário Estadual, responsável pelas barreiras sanitárias com ações que colaboraram na prevenção da Covid-19, evitando assim o alastramento da pandemia.

"Somente essa força conjunta, com a participação cada vez maior da população, será capaz de garantir as transformaçõessociais que tanto precisamos", afirmou Papy.

Título Cidadão Campo-grandense

Campo Grande é uma cidade inovadora, com potencial para crescimento. E, por acreditar nisso, que os vereadores debatem projetos para dar mais mais competitividade e segurança para atrair novos investidores.

São ações para que a capital mantenha seu ritmo de desenvolvimento conquistado ao longo dos 122 anos. Por isso, a cada ano, os vereadores escolhem representantes que deram significativas contribuições à sociedade - na área da saúde, da economia, da assistência social ou tantas outras - para serem reconhecidos.

Eliza Mustafa

Assessoria de Imprensa do Vereador

Comunicar erro
BANNER VIPS1
BANNER VIPS2
BANNER VIPS3

Comentários

compushop